Primeiros passos com o gutsy

By | 26 de Maio de 2007

Caso queiram fazer upgrade do Feisty para o Gutsy (nova versão ubuntu, 7.10, com lançamento agendado para outubro) bastam três linhas num terminal:

sudo sed -e ‘s/\sfeisty/ gutsy/g’ -i /etc/apt/sources.list
sudo apt-get update
sudo apt-get dist-upgrade

Atenção: o primeiro comando, como já devem ter compreendido, vai substituir todas as palavras feisty por gutsy no ficheiro source-list, se tiverem adicionado repositórios de terceiros é possivel que esses ainda não estejam preparados para o gutsy. E nesse caso aconselho a fazerem esta alteração manualmente editando o ficheiro:

sudo gedit /etc/apt/source.list

Esperam um minutos e ficam com o sistema actualizado e com alguns bugs, mas nada com que não se sobreviva num computador de menos uso. Por exemplo o meu portátil :), hoje em dia com menos uso, vai servindo para estas coisas. Com isto, posso vos aqui garantir que pelo menos é estável a escrever artigos para o blogue, pouco mais fiz!

Quanto aos bugs que encontrei até ao momento e que não tive tempo de procurar como se resolvem:
Compiz: aparecem umas bordas estranhas na barra de menu e nos menus.
Human list: Tema de gdm que supostamente deveria mostrar o nome dos utilizadores, e agora não mostra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *