Prevenir problema com upgrades

By | 30 de Maio de 2007

Para quem, como eu, instala o Ubuntu e não define todas as partições existentes no computador, ou até mesmo para quem após a instalação deste adiciona um novo disco ao computador, existem pela net vários sites onde se pode aprender como fazer para que estes se montem automáticamente durante o boot.

Ao editarem o ficheiro /etc/fstab devem ter reparado que algumas linhas começam com UUID (por norma todas as partições que foram identificadas durante a instalação do ubuntu), o que é nada mais nada menos do que o Identificador Universal do disco/partição, mas os guias não referem nada sobre este UUID, referem a “moda antiga”, ou seja, /dev/sda1 por exemplo.

Até aqui nada demais, porque se tudo for feito como “manda o livro” a coisa irá ficar a funcionar! O problema surge é com os upgrades do kernel, pelo menos a mim é obra… não sei porquê, mas alguns discos/partições após estes upgrades mudam de nome (ex: a partição /dev/sdb1 na segunda-feira passou a ser /dev/sda1).

O resultado como já devem estar a adivinhar foi népia de sinal da partição após o boot. Sim é verdade, não faz sentido ela mudar de nome, mas se muda de nome faz sentido que não seja encontrada… A solução era ir descobrir para que nome tinha mudado e voltar a alterar no /etc/fstab.

Solução??? Não creio que isto seja solução, volta e meia tinha de o andar a fazer?? Não me parece…

Fiz umas pesquisas e perguntei no fórum para ver se arranjava maneira de descobrir como identificar o UUID dos discos/partições, é que com este UUID salvaguardam-se os tais problemas, uma vez que este nome será sempre único…

Bom chegam de treta…

Para saberem os vários UUIDs o comando é:

ls -l /dev/disk/by-uuid/

Que irá devolver algo como:

lrwxrwxrwx 1 root root 10 2007-05-30 22:37 CE0C51C90C51ACE9 -> ../../sdc1

O UUID irá estar a azul (se tiverem as cores da consola activas), mas para todo o efeito é o que esta entre a data e ->
Agora basta editarem o /etc/fstab :

sudo gedit /etc/fstab

E editarem em conformidade com os vossos dados. Seguindo este exemplo o meu que estava assim:

/dev/sdc1 /media/Backups ntfs umask=222,nls=utf8 0 0

Ficou assim:

UUID=CE0C51C90C51ACE9 /media/Backups ntfs umask=222,nls=utf8 0 0

Se calhar muitos de vocês já sabiam disto, eu não sabia, por isso para mim e para quem não sabe fica registado!

2 thoughts on “Prevenir problema com upgrades

  1. phoenux
    Mozilla Firefox 2.0.0.4 Linux

    Tens de experimentar utilizar labels para te referires a partições…

    Quando crias uma partição no linux, tens a opção de utilizar labels para te referires a essa partição. Assim, mesmo que o device que a representa sofra alterações, as partição será sempre a mesma. O RedHat (e penso que o tb o Fedora) utilizam isto.

    Um abraço

  2. codedmind Post author
    Mozilla Firefox 2.0.0.4 Ubuntu Linux

    @phoenux
    Não conhecia também essa dos labels, não sei como funciona.
    Mas assim sem saber, isso não é um rótulo que se dá a um device x?
    Se é, como é que depois esse rótulo vai identificar um device x se ele mudar para o device y após o upgrade do kernel?

    Tenho de ver isso melhor 😎

    Abraço

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *